5 Empreendimentos Maternos para conhecer e apoiar

Junto com a maternidade vem o desafio de conciliar carreira e filhos, e se já é difícil administrar o próprio tempo, fica ainda mais difícil quando lembramos a realidade machista que vivemos. O mercado de trabalho tradicional é majoritariamente comandada por homens em cargos de poder, e nesse cenário é comum muitas mulheres se encontrarem em uma situação onde fica insuportável manter um trabalho com horário comercial e pouca compreensão por parte dos empregadores ao voltar da licença maternidade.

Para a jornalista e idealizadora de TopMothers, Tamara Foresti, não existe nenhum romance no empreendedorismo materno. “Muitas vezes, a escolha por empreender não tem a ver com uma grande sacada ou um desejo antigo da mãe. Muitas mulheres empreendem simplesmente, porque o mercado de trabalho não está preparado ou disposto a aceitar a nova realidade da funcionária”.

Segundo a pesquisa da Global Entrepreneurship Monitor (GEM), metade dos novos empreendedores do Brasil são mulheres. Outra pesquisa, da Rede Mulher Empreendedora (RME), divulgada no início deste ano, mostrou que 55% destas mulheres são mães e 44% são chefes de família.

Nesse dia das mães queremos te convidar a olhar com mais carinho para o empreendedorismo materno e conhecer 5 empreendimentos gerenciados por mães!

Rede Maternativa

A Rede Maternativa surgiu como um grupo no Facebook e é um espaço para gerar conteúdo, compartilhar informações, proporcionar trocas e experiências relacionadas ao trabalho materno. Foi criado por duas mães em 2015 ao encontrarem dificuldades para voltar ao mercado de trabalho após voltarem da licença maternidade. 

Hoje, após o grande sucesso do grupo, a Rede Maternativa trabalha junto à empresas desenvolvendo consultorias e atendendo marcas que resolvem apoiar essa causa. Para as mulheres que empreendem, seja por necessidade ou oportunidade, a Maternativa oferece formação em grande parte gratuita por meio de encontros e conteúdos compartilhados nas redes sociais.

 

Coralina

A Coralina é uma agência digital feita por mulheres para mulheres com mulheres. "Aqui uma ajuda a outra, queremos trazer potência para mulheres e projetos liderados por elas. Respeitamos as suas histórias, respeitamos os seus valores e queremos fomentar espaços profissionais saudáveis e de protagonismo feminino."

Com expertise na área de marketing e negócios trabalhando anos para grandes empresas da área a dupla Ana Luiza e Júlia fundou a Coralina para impactar positivamente nos negócios de outras mulheres, para isso elas trabalham de maneira colaborativa com mulheres experientes em design, pesquisas, mídia (online e offline), planejamento, desenvolvimento e vídeo, montando um rede de trabalho e fortalecendo outras profissionais.

Hoje, o que as duas sócias mais desejam é ajudar mulheres a ocuparem um maior espaço no mercado de trabalho e em cargos de liderança e promover a independência financeira que tantas ainda buscam e precisam. "Seja dentro da Coralina ou em seus próprios negócios, queremos promover um ciclo econômico onde uma levanta a outra”, diz Ana. 

 

Pratico

A Pratico é a segunda marca da criativa Ana Albanez, também alma e coração da Adore Handcraft, que após a chegada da filha e da vivência da amamentação desenvolveu peças pensando em facilitar e incentivar o momento para mãe e bebê. "Nossas peças são facilitadoras para amamentação, mas toda mulher pode usar. A gente quer enaltecer o conforto, a leveza e acima de tudo sermos práticas, como a vida nos pede."

 

Ideia Crua

 A Ideia Crua é nossa fornecedora de embalagens de tecido e serigrafia, o empreendimento foi a solução da Amanda Santos para trabalhar em casa, cuidar e dar atenção as filhas gêmeas. A missão da empresa é viabilizar condutas mais sustentáveis mesmo em pequenas empresas de maneira acessível e ética. Além disso a Ideia Crua é comprometida com o descarte adequado dos resíduos têxteis e tem parceria com empresas que reutilizam essas sobras, assim reutilizando atualmente 98% do seu resíduo têxtil.

 

Mariana Fiore

Mariana é artista independente, tatuadora e sócia no Estúdio Calma, onde tatua. Apesar dos traços delicados Mariana tem compartilhado uma realidade nada fofinha no seu instagram desde a gestação, onde compartilha seu trabalho e seu jeito de maternar.

 

 

Maria Tangerina

Sabia que também somos um negócio materno? 
Quando o Nicolas chegou nas nossas vidas a Maria Tangerina já existia há 5 anos, mas nem por isso foi fácil. Hoje, eu Priscila, me divido entre cuidar do Nicolas, administrar a Maria Tangerina e coordenar as feiras e o planejamento estratégico da Feira Jardim Secreto. Tudo isso é possível porque tenho rede de apoio e profissionais incríveis à minha volta, como as mulheres da Coralina, que cuidam do nosso marketing e as mulheres do Cardume de Mães que são responsáveis pela nossa produção.

Nesse dia das mães queremos te convidar - compre de mães, contrate mães, seja rede de apoio para uma mãe!

Deixe seu comentário

Todos os comentários são moderados antes de serem publicados